A Mantiqueira nos ensina

Nesta terceira semana de caminhos descendo o Paraíba do Sul pela Rodovia Presidente Dutra nos despedimos de São Paulo e entramos no estado do Rio de Janeiro. Estou cada vez mais perto de minha história, de minha terra, onde mantenho as memórias de infância. Que belas paisagens! A serra da Mantiqueira me lembra a todo momento o nosso tamanho... De como somos pequenos. E de que o caminho da humildade pode ser o mesmo da realização, da felicidade.


Começamos a semana em Cachoeira Paulista, na EMEF Professor Joaquim Monteiro da Silva, uma escola antiga, de arquitetura muito interessante. Conversamos com 40 alunos e muitas professoras, que já haviam trabalhado o livro em sala de aula. Depois partimos para Cruzeiro, cidade onde guardo deliciosas lembranças da infância, onde realizamos duas apresentações. A primeira, na EM Professor Joaquim de Paula Guimarães, em um bairro da periferia, para 62 alunos. Depois, na parte da tarde, na EM Dr. Arnolfo Azevedo, escola centenária e uma das mais antigas da região, para 101 crianças.



A terça-feira começou fria, mas logo esquentou, na Escola Municipal Professor Francisco, em Lorena. Ali encontramos 187 alunos na quadra de esportes. Tivemos a oportunidade de conhecer educadoras muito engajadas no tema ambiental, que já criaram diversas atividades em prol da defesa dos rios, como o programa de adoção de nascentes.